Eloped - Uma nova tendência nos casamentos, afinal o que é?



Você já ouviu falar de um casal fugindo sem contar a ninguém ou se casar secretamente? Pode parecer que os casamentos são a única maneira de se casar, mas fugir não é uma prática incomum ou tabu nos dias de hoje. De fato, alguns casais até escolhem lugares românticos ou destinos interessantes como Lisboa ou Sintra para fugir. Isso pode tornar a celebração muito mais agradável.


Embora a definição técnica de "eloped" seja "fugindo", ela tem uma definição um pouco mais subtil no jargão do casamento. "Eloped" significa casar sem contar a ninguém. Nos tempos modernos, fugir (eloped) não significa necessariamente fugir, e alguns casais que optarem por fugir e informam suas famílias antes da cerimónia (embora nem sempre os convidem para participar).


Razões para fugir

Existem muitas razões pelas quais os casais decidem fugir. Um dos mais comuns é porque seus pais ou famílias não aprovam a união. Normalmente, os casamentos são uma ocasião em que a família se reúne. Se a aprovação genuína não for recebida dos pais de ambos os lados da família, um casal pode decidir não ter um casamento e fugir em vez disso.


Outra razão possível é que o casal pode achar que não quer gastar dinheiro num casamento tradicional. Casamentos podem ser stressantes e caros para planear. Muitos casais podem optar por fugir para reduzir o stress. Outros casais podem decidir que preferem economizar o dinheiro para o futuro em vez de gastá-lo em um casamento luxuoso.


Outros casais podem fugir para um destino, depois voltar para casa e receber uma pequena recepção que inclui familiares e amigos para celebrar sua união. Você pode até encontrar casais que trocam votos na frente de seus convidados, mesmo que eles já estejam legalmente casados ​​porque fugiram e tiveram uma cerimónia privada primeiro.


E uma última, mas também muito válida razão, é porque simplesmente querem realizar uma cerimónia de casamento realmente a dois.

Renunciar a um casamento tradicional grande e fugir não significa necessariamente pular completamente uma cerimónia ou recepção para comemorar a ocasião. Às vezes, os casais que fogem simplesmente querem um casamento mais íntimo e tranquilo com uma quantidade limitada de convidados.


Decisão pessoal

Todo casal tem suas razões e definições pessoais sobre o que significa fugir. Enquanto alguns escolhem um ambiente de praia íntimo em uma ilha tropical, outros preferem um casamento rápido no tribunal. Não há resposta certa ou errada para fugir e ela não deve ser vista de maneira negativa. O mais importante é que o casal siga seus próprios desejos e qualquer caminho que os faça felizes. Para muitos, a ideia de um casamento tradicional simplesmente não é uma boa opção e eles preferem fazer do seu jeito.


Fazendo planos

Mesmo os casais que optarem por fugir terão que fazer alguns planos para garantir que sua cerimónia seja perfeita e legal. Dependendo da localização, o casal deve entrar em contato com as entidades local para entender os requisitos da licença de casamento.

O casal provavelmente também precisará de suas certidões de nascimento e identificações oficiais; portanto, se você estiver a planear uma fuga do destino, verifique as leis locais antes de partir para sua viagem.


Se o destino escolhido para a sua fuga (eloped) for as românticas regiões de Lisboa, Sintra ou Cascais, pode contar com a Leav Tourism para ajudar a organizar todos os pormenores.


© 2020 LEAV Tourism  | Todos os direitos reservados  |  Tuk On Me é uma divisão da LEAV Tourism

Receba a nossa newsletter e esteja a par de todas as novidades

LEAV Tourism  |  Rua das Olarias, 62-A  |  1100-381 Lisboa  |  Portugal